Setembro/2014

Conselho do Feaper aprova R$ 3,5 milhões para cooperativas de agricultores familiares

Reunião ordinária do Conselho de Administração do Fundo Estadual de Apoio aos Pequenos Estabelecimentos Rurais (Feaper), realizada nesta segunda-feira (22), aprovou dez projetos para atender cooperativas de agricultores familiares ligadas à Via Campesina e à Fetraf (Federação dos Trabalhadores da Agricultura Familiar). Em recursos, o valor total aprovado é de quase R$ 3,5 milhões. A reunião foi coordenada pelo titular da Secretaria de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo (SDR), Elton Scapini.

Com os projetos aprovados no Conselho, mais de 500 famílias de agricultores devem ser beneficiadas nas cooperativas, cujas sedes estão nos municípios de Vera Cruz, Esmeralda, Piratini, Jóia, Aratiba, São Valentim, Tenente Portela, Sede Nova, Sarandi e Constantina.

A Cooperativa Mista dos Assentados Esmeraldenses (Coopare) conseguiu aprovar o maior volume de recursos (quase R$ 1,3 milhão), que beneficiará 195 famílias de agricultores. Neste caso, o projeto aprovado prevê a aquisição de insumos e equipamentos para produção de alimentos saudáveis e posterior distribuição e comercialização, gerando renda para as famílias.

Texto: Roger da Rosa

Luciane Moura

Central do Interior

Diretoria de Jornalismo

Secretaria de Comunicação do RS
(051) 3213.0732 e Cel. (51) 9814-6903 e (55)9129.4205
Twitter: @interiorRS 

Fundergs lança edital para promover eventos esportivos no verão

Com o objetivo de promover a igualdade social, a diversidade cultural e democratizar o acesso ao esporte e ao lazer em todo o Estado durante as férias de verão, a Fundação de Esporte e Lazer do Rio Grande do Sul (Fundergs) lançou, nesta sexta-feira (19), o edital Eventos de Verão. Para 2015, estão previstos R$ 600 mil para apoiar projetos a serem realizados entre 15 de janeiro e 31 de março, com destinação de 10% do total para eventos que contemplem pessoas com deficiência (PCDs). O valor limite, por projeto, é de R$ 15 mil.

Mesmo que a verba não contemple grandes eventos, o presidente da Fundação, Cláudio Gutierrez, salientou a importância do edital: "Assim como os grandes eventos deixam grandes legados na repercussão e na abrangência, os pequenos eventos deixam um legado na intensidade. Para um menino ou uma menina que está praticando esporte, que está vivendo a emoção do esporte, este será a sua Copa do Mundo. Mesmo pequenos, são eventos importantes", disse Gutierrez, que mostrou os números da Fundação e detalhou os critérios do edital, chamando a comunidade esportiva para a apresentação de projetos.

O secretário Estadual do Esporte e do Lazer (SEL), Ricardo Petersen, também saudou os participantes do ato de lançamento do edital e falou da importância da SEL e da Fundergs: "Essas duas instituições são o canal por onde o Estado pode apoiar o desenvolvimento do esporte gaúcho”.

Além do presidente da Fundergs e do secretário do Esporte e do Lazer, participaram do lançamento do edital a secretária adjunta de Políticas para as Mulheres do Rio Grande do Sul, Ana Félix; a assessora de Esporte Educacional da Secretaria Estadual de Educação, Carla Isaltina Magalhães; a presidente da União Brasileira de Mulheres, Cris Pereira; a presidente da Federação Gaúcha de Clubes Sociais, Esportivos e Culturais (Federaclubes), Maria da Conceição Nogueira Pires; o presidente da Associação das Federações Esportivas do Rio Grande do Sul (Afers), Nelson Ilha; a presidente da União de Negros pela Igualdade (Unegro), Flaviana Santos de Paiva; a presidente da União das Associações de Moradores de Porto Alegre (Uampa), Bruna Rodrigues.

Também estiveram presentes os atletas Adrian Ocampo, oito vezes campeão mundial de esportes de força; os canoístas Edson da Silva e Hans Mallmann; o campeão mundial de maratona aquática Samuel de Bona; e o medalhista de ouro em esgrima em cadeira de rodas na Paralímpiada de Londres (2012) e número 1 no ranking mundial da modalidade, Jovane Guissone.

Saiba mais sobre o edital Eventos de Verão

Fórum Estadual da Participação Cidadã encerra ciclo de debates do Orçamento 2015

Cerca de 120 pessoas participaram, nesta quinta-feira (11), do Fórum Estadual de Participação Popular e Cidadã. O evento ocorreu no auditório do Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem (Daer), encerrando o ciclo de debates sobre a proposta Orçamentária Estadual 2015 .

Além do secretário do Planejamento, Gestão e Participação Cidadã, João Motta, participaram da mesa, durante a abertura, o secretário de Desenvolvimento Rural, Pesca e Cooperativismo, Elton Scapini, a diretora do departamento de Orçamento e Finanças da Seplag, Cláudia Conzatti, o diretor de Gestão  e Projetos do Daer, Miguel Molina, e  o diretor geral da secretaria de Saúde, Dario  Pasche, o chefe de Estado Maior da Brigada Militar, coronel Alfeu Freitas, e o presidente do Fórum dos Coredes, Hugo Chimenes.

O titular da Seplag agradeceu a parceria com os Conselhos Regionais de Desenvolvimento (Coredes) pelo encerramento do Ciclo do Orçamento Estadual 2014/2015. João Motta fez um breve histórico do Sistema Estadual de Participação Popular e Cidadã e disse que o processo é de toda a sociedade, de todo o Governo e de todos os cidadãos e cidadãs. "Para nós a questão da democracia, é uma questão de princípio". O secretário falou ainda sobre o Decreto 8.243, que cria a Política Nacional da Participação Social, tema que está em debate hoje no Brasil, e que tem o Rio Grande do Sul como modelo.

O presidente do Fórum dos Coredes, Hugo Chimenes, disse que as decisões da população sobre o orçamento não devem ser discutidas somente no Estado. "Temos que ampliar a participação da população nas decisões sobre o orçamento, também, nos municípios e na União", ressaltou.

Orçamento do Estado para 2015 entregue ao Legislativo prevê mais recursos para saúde e educação

O secretário da Fazenda, Odir Tonollier, acompanhado do chefe da Casa Civil, Flávio Helmann, e do adjunto do Planejamento, Gestão e Participação Cidadã, João Cristino Fioravanti, entregou à Assembleia Legislativa o Orçamento do Estado para 2015 nesta segunda-feira (15). O valor de R$ 57,4 bilhões é 12,4% superior ao do ano anterior. Do total, R$ 2,5 bilhões destinam-se a investimentos, com aumento de recursos para a saúde e educação. 

Os representantes do Executivo foram recebidos pelo presidente do Legislativo, deputado Gilmar Sossela. “Viemos aqui para cumprir com nossa obrigação legal com o Legislativo. A partir de agora eles poderão analisar, discutir e aprovar o orçamento conforme seu papel. Estamos apostando em um crescimento de 12% na arrecadação e, além disso, temos R$ 1 bilhão em obras já contratadas e com crédito já garantido”, afirmou Tonollier.

O Governo Estadual garantiu também a manutenção dos 12% da receita para a saúde, com ampliação de 11% de recursos para a pasta, que receberá R$ 3,3 bilhões, enquanto em 2014 o valor foi de R$ 2,9 bilhões. Para a educação também haverá um aumento de R$ 900 milhões, o que garantirá o pagamento da folha de pagamento e novos investimentos. “Vamos analisar e estamos otimistas com esse crescimento do Estado previsto na peça orçamentária. Que ela garanta o aumento dos investimentos que tanto precisamos”, disse Sossela.

5ª etapa do Ciclo Orçamentário Estadual de 2014

Nesta quinta-feira dia 11 de setembro de 2014 a partir das 9:00 horas será realizado, no Auditório do DAER, localizado à Avenida Borges de Medeiros, 1.555, 19º andar, em Porto Alegre,  o Fórum Estadual de Delegados no qual o governo apresentará a peça orçamentária do Estado do Rio Grande do Sul para o ano de 2015. 

Após esta apresentação e aprovação a referida peça será encaminhada à Assembleia Legislativa para a continuidade do processo de orçamentação.

Informações Adicionais